JANELAS DE MADEIRA PARA COZINHA — QUAL ESCOLHER?

JANELAS DE MADEIRA PARA COZINHA — QUAL ESCOLHER?

Na hora da construção ou reforma do lar, dúvidas podem surgir quanto a escolha do formato e do material que serão utilizados nas janelas de sua casa. Mas, conhecer as opções de janelas de madeira para cozinha e suas respectivas vantagens pode te ajudar na hora da seleção!

Neste artigo, descubra as vantagens de optar por janelas de madeira, os benefícios de cada estilo de formato e descubra qual a melhor opção para a cozinha da sua casa!

Por que escolher janelas de madeira para cozinha?
A escolha dos materiais que serão utilizados para compor a sua residência é de suma importância, pois eles influenciam nas características do ambiente e na qualidade de vida dos moradores.

Portanto, tendo em vista as suas vantagens, optar pela madeira para compor janelas e também portas da cozinha é uma ótima alternativa para quem busca por um material resistente, seguro e durável.

Outras características notáveis do material são a beleza e a versatilidade. Logo, optar por janelas de madeira para cozinha é uma forma de proporcionar elegância ao ambiente, com a tranquilidade em saber que o material se adapta a praticamente todos os estilos de decoração.

Além disso, a madeira também contribui para o conforto e a sensação de aconchego do lar, pois são isolantes acústicos e térmicos.

Estilos de janelas de madeira
Agora que já sabe porquê optar por janelas de madeira para cozinha, conhecer os diferentes estilos e formatos te ajudará a realizar a sua escolha.

Desta forma, você poderá definir de acordo com as necessidades para o ambiente, se busca por uma boa ventilação, se prefere maior privacidade ou mesmo ter facilidade na limpeza.

Janela de correr
A janela de correr é uma ótima solução para cozinhas pequenas, pois economizam espaço. Dentre suas vantagens, há a possibilidade de regular a ventilação conforme a sua abertura e a estabilidade do material, já que não existe o risco da janela fechar com a ação do vento.

Entretanto, não liberam o vão completamente e, para vedação completa, é necessário o uso de batentes. Também pode ser mais difíceis de limpar externamente.

Janela Max Ar
Para as cozinhas, o vitrô max ar é uma possibilidade interessante. As janelas possuem abertura total, portanto oferecem bastante circulação de ar. Além disso, combinam bastante com o ambiente e a limpeza é bastante fácil.

Outras opções de janelas para cozinha
Além da madeira, as janelas para cozinha também podem ser fabricadas em outros materiais, como o PVC, Alumínio e Aço. Essas três opções também são ótimas alternativas para o ambiente, pois oferecem durabilidade, resistência e segurança, com um toque moderno.

Fonte:Madel

compartilhar:

5 DICAS DE COMO REFORMAR A CASA PARA O FINAL DE ANO

5 DICAS DE COMO REFORMAR A CASA PARA O FINAL DE ANO

Com a aproximação das festas de Natal e Ano Novo, começam as buscas por reformas na casa para o final de ano. Afinal, nesta época, é possível aproveitar o pagamento das férias e do 13º salário para renovar o lar e receber convidados em um ambiente inédito e agradável, além de permitir o início do próximo ano com novos ares.

Entretanto, você tem poucos dias para realizar as mudanças desejadas. Ainda não sabe por onde começar? Então confira as dicas que preparamos para você.

1. Comece com o planejamento
Antes de iniciar a reforma da sua casa para o final de ano, é importante realizar um planejamento do investimento e do tempo que serão gastos na obra. Desta forma, você consegue determinar se os custos cabem em seu orçamento, além de estimar o prazo das mudanças. Lembre-se que o tempo é curto para as grandes reformas.

Na fase de planejamento, também é importante pesquisar em diferentes fornecedores de produtos e serviços para encontrar o preço mais vantajoso.

Analise ainda, quais materiais oferecem maiores benefícios para a sua casa. Pode ser vantajoso investir em produtos com preços mais elevados, mas com durabilidade e resistência maior. Pense em custo-benefício, sempre!

2. Pinte as paredes
Aproveite o momento para transformar os cômodos mudando o tom das paredes. Para que a mudança seja notada, aposte em uma cartela de cores diferente da normalmente utilizada. Se quiser ousar, você também pode aplicar papéis de parede decorados.

3. Troque o revestimento dos pisos
Uma alternativa interessante para dar um novo aspecto à casa para o final de ano é trocar o revestimento do piso.

Além de proporcionar uma transformação facilmente perceptível, também oferece diversas vantagens e funcionalidades. Os pisos de madeira, por exemplo, além de elegância e beleza, proporcionam conforto térmico para tornar o lar ainda mais aconchegante.

Quem busca por praticidade, pode recorrer ao piso vinílico com sistema click, que dispensa a utilização de cola na instalação e pode ser utilizado por cima de cerâmica, porcelanato ou cimento queimado.

4. Traga vida para o ambiente
Adicionar plantas ao seu lar é uma estratégia que vai além do caráter decorativo, já que também traz vitalidade para o ambiente, melhora a condição do ar e contribui para a sensação de bem-estar. Logo, é uma ótima maneira de iniciar o ano novo com boas energias.

5. Deixe a fachada da casa mais bonita
A fachada é responsável por causar a primeira impressão nos visitantes. Portanto, se você será o anfitrião das festas de final de ano, considere dar uma repaginada também no lado de fora. Trocar a porta principal e as janelas atribui uma personalidade totalmente nova à sua residência.

Reforme a casa para o final de ano com a DIFABRICA ESQUADRIAS
Com a DIFABRICA, é muito mais fácil reformar a sua casa para o final de ano e deixá-la do jeito que sempre sonhou. Em nosso site, você encontra as melhores opções de Portas, Janelas e Portões.

Aproveite o momento para dar novos ares para sua residência ou apartamento.

www.difabricaesquadriasmadeira.com.br

compartilhar:

Porta Balcão

Porta Balcão

Ainda que muitas pessoas acreditem no contrário, porta não é tudo igual. Além de ser uma peça que possui características que variam de acordo com o fabricante e o propósito a ela destinado, existe uma série de modelos de porta disponível no mercado, como por exemplo as portas pivotantes, a porta camarão, a porta sanfonada e a porta balcão.

A porta balcão, inclusive, é um modelo que por si só possui muitas variações, sendo muito fácil encontrar porta balcão de correr, porta balcão com veneziana e, no que diz respeito ao material de fabricação, porta balcão de madeira, porta balcão de alumínio, porta balcão de vidro e por aí vai. Ou seja, com tantas variações, dizer que porta é tudo igual não é apenas equivocado, como também um desconhecimento que pode ser perigoso para o momento de escolher a melhor peça para uma casa, sobretudo se for o caso de uma porta balcão.

1. A porta balcão é um dos modelos mais comuns do mercado.

A porta balcão é um modelo que chama muito a atenção de quem busca por uma peça funcional, bonita e eficiente, algo que sem sombra de dúvidas, todos querem ter dentro de casa. Em seu modelo de correr, o sistema de trilho que faz as folhas deslizarem sem ocupar espaço são muito comuns em salas de estar, varandas, divisórias de cozinhas e áreas externas em geral, mas não é difícil encontrar tipos de porta balcão de correr específicas para outros cômodos.

2. A porta balcão é muito utilizada em áreas externas.

Os modelos de abrir da porta balcão também são muito utilizados e chamam a atenção pela segurança de possuírem mais de uma folha protetora, algo fundamental em áreas externas e até mesmo como porta frontal, o que é visto pela grande popularidade dos modelos de porta balcão para sala. Além disso, a porta balcão é muito eficaz no trabalho de garantir a privacidade dos moradores, o que não significa que esse seja um tipo de porta completamente fechada e que não utilize a luminosidade externa a favor do ambiente.

A boa e velha porta balcão de madeira

Dentre os modelos de porta balcão mais populares do mercado, a porta balcão de madeira é o que há de mais popular. Seu uso é muito comum em diferentes cômodos, ainda que seja muito lembrada pelas decorações que a utilizam como peça de destaque em áreas externas de modo geral. Com um design simples e ao mesmo tempo muito interessante, a porta balcão de madeira vai muito bem com decorações que seguem o estilo moderno e até mesmo o clássico, uma vez que estamos falando de uma peça versátil em muitos sentidos.

3. A porta balcão de madeira é clássica e bonita.

No entanto, por se tratar de uma porta feita a partir de um material suscetível a danos causados pelo tempo, a porta balcão de madeira deve passar por algumas manutenções para que permaneça com sua beleza inicial. Um exemplo disso é a impermeabilização, que impedirá que a porta balcão sofra com a umidade, e a lubrificação com grafite em pó, perfeita para evitar que as dobradiças ou trilhos acabem cedendo e estraguem a porta como um todo.

As vantagens da porta balcão de alumínio

Quanto o assunto é vantagem, a porta balcão de alumínio possui para dar e vender. O fato de ser um modelo leve, prático e versátil são apenas alguns dos principais pontos positivos da porta balcão de alumínio, que ainda tem como vantagem a durabilidade – possível pelo alto padrão de fabricação – e o isolamento térmico e acústico muito superior a outros tipos, fazendo com que seja uma peça mais do que necessária para varandas ligadas a quartos.

4. A porta balcão de alumínio possui muitas vantagens.

Um outro ponto que coloca a porta balcão de alumínio na frente das demais em termos de excelência é o fato de ser sinônimo de sustentabilidade e economia. Acontece que esse modelo de porta balcão oferece muitas chances de reutilização e também permite o uso de placas de vidro que servem como catalizadoras de uma iluminação natural. Isso não apenas deixa o ambiente iluminado, mais arejado e livre de mofos, como também evita gastos excessivos com energia elétrica.

Cuidados com a porta balcão de alumínio branco

A porta balcão de alumínio branco possui as mesmas características de uma porta balcão de alumínio comum, ou seja, é repleta de vantagens e merece espaço em qualquer tipo de casa. Mas então por que estamos abrindo um tópico para falar de um modelo tão específico quanto a porta de alumínio branco? Acontece que esse tipo de porta balcão merece alguns cuidados para permanecer bonita e funcional assim como a conhecemos.

5. A porta balcão de alumínio branco necessita de cuidados específicos.

A tinta da porta balcão de alumínio branco, se mal aplicada, pode fazer com que a esquadria não tenha a performance esperada e acabe por prejudicar toda a estrutura dos trilhos, como ocorre em um modelo de porta balcão de correr. Dito isso, é importante que antes de comprar esse modelo você analise muito bem o acabamento que ele possui e, se estiver tudo certinho, depois de comprado, use o grafite lubrificante sempre que problemas aparecem.

Tudo sobre a porta balcão de vidro

Limpeza e boa iluminação, como muitos sabem, são as principais características da porta balcão de vidro, mas as vantagens não param por aí. A porta balcão de vidro é, de longe, o modelo com o design mais interessante do mercado, sobretudo se estivermos falando de um tipo de grandes dimensões, o que dá a casa em que está inserido muito mais modernidade e beleza. O design despojado e interessante aos olhos não apenas é versátil e combina com qualquer tipo de decoração, como também oferece um frescor muito interessante.

6. A porta balcão de vidro é lindo, mas não oferece privacidade.

No entanto, nem tudo são flores quando o assunto é a porta balcão de vidro. Além de o seu preço ser muito mais salgado que os demais tipos, chegando a custar muitas vezes o dobro de um modelo de alumínio simples, por exemplo, a porta balcão de vidro necessita do auxílio da cortina para oferecer a privacidade que todos buscam dentro de uma casa, o que torna seu preço final ainda mais alto.

Como comprar a melhor porta balcão para sala?

Agora que você sabe tudo sobre os muitos modelos de porta balcão que existem no mercado, chegou a hora de saber como efetuar uma compra segura e inteligente. Para isso estamos estabelecendo que você esteja buscando uma porta balcão para sala, como costuma acontecer nas lojas de materiais para reforma e construção. Dito isso, antes de comprar a porta balcão para sala, meça muito bem a área reservada para a peça, pois, por mais que exista um padrão a ser seguido, é possível encontrar modelos que subvertam isso e acabem necessitando de mais ou menos espaço.

7. Para comprar uma boa porta balcão, é importante ter as dimensões em mente.

Além disso, é necessário que a área em que a porta ficará também seja muito bem analisada. Isso é importante porque pode ser que você acabe comprando uma porta balcão para sala que possui uma abertura de correr, quando na verdade não há espaço para as folhas circularem, o que também pode acontecer com a porta balcão de abrir. Portanto, além de medir o cômodo por completo, veja se há a possibilidade de instalação de dobradiças, trilhos, batentes e assim por diante.

Fonte:Vivadecora

compartilhar:

Janela para Banheiro

Janela para Banheiro

Durante uma reforma, alguns cômodos e itens acabam não recebendo a atenção que merecem, o que na maioria das vezes resulta em dores de cabeças causadas por problemas que poderiam ser facilmente evitados. Um exemplo disso é a janela para banheiro, que por ser parte de um cômodo pequeno, costuma não ser lembrada e ter sua importância reconhecida apenas quando algum problema aparece.
A janela para banheiro é fundamental em muitos sentidos. A depender da escolha, por exemplo, pode ser que o seu banheiro fique muito úmido e sofra com a presença do mofo. O mesmo vale para a privacidade, que em alguns modelos pode não ser muito bem guardada e gerar problemas de convivência, sobretudo se estivermos falando de um apartamento ou casa de condomínio.

1. A escolha da janela para banheiro é muito importante.

A importância da janela para banheiro também pode ser vista na grande quantidade de modelos que podem ser encontrados no mercado, estes que foram desenvolvidos para atender diferentes públicos e demandas. Exemplos disso são a janela de alumínio para banheiro, a janela basculante para banheiro, a janela de vidro para banheiro e até mesmo janela de madeira para banheiro.
Se você já se deu conta da necessidade de fazer uma escolha acertada da janela para banheiro, continue lendo e confira informações muito valiosas sobre os principais modelos do mercado. Aproveite também para descobrir de uma vez por todas se é válido utilizar uma cortina para janela de banheiro, além de uma galeria com modelos lindos e inspiradores para você e sua reforma.

A vantajosa janela de alumínio para banheiro

A verdade é só uma: quando pensamos em janela para banheiro, muitas vezes nos vem à cabeça a janela de alumínio para banheiro. Isso é comum por uma série de motivos, mas o principal deles é o fato de este ser um modelo repleto de vantagens, o que, por sua vez, explica sua popularidade nos mais variados tipos de lavabo, que possam existir no Brasil e mundo à fora.

2. A janela para banheiro feita de alumínio possui muitas vantagens.

A janela de alumínio para banheiro possui, por exemplo, uma das maiores durabilidades do mercado, sendo resistente aos raios solares e também à umidade, algo muito importante. Além disso, esse modelo de janela para banheiro é fácil de ser instalado, o que muito se deve à leveza do material, característica esta que também contribui para outra vantagem inegável: a facilidade de limpeza.

A moderna janela de vidro para banheiro

A janela de vidro para banheiro é um modelo muito moderno e fácil de ser encontrado no mercado. Seu uso é associado justamente a decorações que seguem o estilo mais modernista, dando ao cômodo uma estética interessante. Além disso, a janela de vidro para banheiro oferece ao ambiente uma maior iluminação e possibilidade de arejamento, o que evita a presença de mofos.

3. A janela para banheiro feita de vidro é interessante por oferecer iluminação natural.

No entanto, é válido ressaltar que, a depender do revestimento do vidro, esse modelo de janela para banheiro possui a desvantagem da falta de privacidade. Há quem opte por colar um adesivo fosco na janela e assim ter a privacidade mantida, mas ainda há outras possibilidades, como por exemplo instalá-la em algum lugar alto o bastante para que apenas a luz seja uma questão.

A controversa janela de madeira para banheiro

Apesar de muito comum, a janela de madeira para banheiro costuma causar discussões quando o assunto é sua validade como peça de um cômodo tão úmido quanto um banheiro. Isso é importante principalmente pelo fato de a madeira não ser um material muito resistente à umidade, sobretudo se o revestimento a ser utilizado nessa janela para banheiro não possuir propriedades antimofo.

4. A janela para banheiro feito de madeira deve ser bem revestida.

Dito isso, se for mesmo o caso de você preferir uma janela de madeira para banheiro, procure saber se ela foi envernizada ou pintada com produtos que impedem o apodrecimento do material. Essa checagem é importante principalmente pelo fato de existir a possibilidade de o mofo da janela para banheiro chegar à parede e acabar com toda a estrutura física do cômodo, exigindo reformas e mais custos.

A popular janela basculante para banheiro

Em termos de popularidade, a janela basculante para banheiro é o que há de melhor, sobretudo pelo fato de esse ser um modelo muito versátil, podendo ser feito dos mais variados materiais. O alumínio, assim como o vidro e até mesmo a madeira, por exemplo, é muito comum em janela para banheiro que possui o design basculante, aumentando muito a popularidade do modelo.

5. A janela para banheiro basculante é o que há de mais popular.

Além disso, a janela basculante chama a atenção pela sua facilidade de abertura, que de fato é muito mais interessante que a de outros modelos, como por exemplo a janela para banheiro pivotante e a janela para banheiro projetante. No entanto, pode acontecer de com o tempo a janela para banheiro basculante perder mobilidade, por isso é importante lubrificá-la com frequência.

Como usar cortina para janela de banheiro?

Uma questão comum no universo da decoração é a validade de usar uma cortina para janela de banheiro, tendo em vista que estamos falando de um cômodo que permanece úmido por um grande período de tempo. No entanto, existem, sim, opções interessantes de ter uma boa cortina para janela de banheiro sem que a peça fique suja e inutilizável para o ambiente.

6. É, sim, possível usar cortinas em janela para banheiro.

Uma forma interessante e fazer isso é utilizar modelo pequenos, que cubram pouco ou apenas uma parte da janela para banheiro. Essa técnica pode ser elevada ainda mais se você optar por uma cortina de tecido transparente, como a de renda, por exemplo. Se for o caso, uma simples persiana também pode ser uma excelente opção, sobretudo se sua cor combinar com os outros itens do cômodo.

Fonte:vivadecora

compartilhar:

Manutenção da Casa: 5 Barulhos que indicam perigo

Manutenção da Casa: 5 Barulhos que indicam perigo

A manutenção da casa própria é uma tarefa simples e bastante necessária na vida de qualquer proprietário, por isso, sempre que detectamos algo diferente dentro do ambiente doméstico, devemos analisar com cuidado a fim de tomar as devidas providências. Pequenos problemas dentro de casa parecem inofensivos até um certo momento, mas, se não levados a sério, podem trazer consequências indesejadas. Confira agora 5 barulhos que indicam perigo e saiba o que fazer em cada caso!

Engasgo do fogão ou forno
Alguns fogões e fornos, depois de velhos, podem começar a engasgar durante o funcionamento. Em casos mais raros, é possível ouvir pequenas explosões dentro do eletrodoméstico, o que indica que os queimadores estão com mal funcionamento. Caso isso vier a acontecer, chame um técnico capacitado para dar conta do problema, que pode causar explosões maiores e, na pior das hipóteses, incêndios.

Ruídos no piso ou no teto
Já reparou que no silêncio total a casa costuma gerar pequenos estalos? Pois é, muitas vezes achamos que são apenas tábuas e materiais soltos, mas isso também pode ser sinal de pragas domésticas. Se começar a ouvir ruídos debaixo do piso ou acima do forro, chame um dedetizador o mais rápido possível, pois pode estar com uma infestação de ratos ou insetos que podem trazer doenças.

Barulho no aparelho de ar condicionado
Com a frequência de uso e peças desgastadas, o aparelho de ar condicionado pode se tornar ineficiente e gerar custos excessivos que vão aparecer na sua conta de luz. Uma das maneiras de detectar se o ar condicionado precisa de manutenção é ouvir barulhos estranhos vindos de dentro do aparelho. Batidas, motor engasgando e pequenas explosões são sinais de más cuidados, portanto, chame o técnico o quanto antes e evite estragos maiores. Além de garantir a economia de energia na casa, o técnico tem condições de fazer a limpeza adequada do aparelho, eliminando impurezas perigosas para a saúde.

Barulho de água correndo
Barulhos de água pingando ou correndo sem nenhum equipamento hidráulico ligado são sinais típicos de vazamentos na tubulação. A primeira coisa a se fazer é detectar de qual local vem o barulho, que pode ser o chuveiro, máquinas de lavar, uma pia ou até mesmo em canos na parede. Depois de verificar a fonte do problema você até pode tentar resolver sozinho, mas em casos mais graves é indicado chamar um profissional encanador para resolver o problema. Os vazamentos são ruins pois podem gerar custos na conta da água e, dependendo de onde ocorrem, causar problemas de infiltração: manchas no chão, teto e paredes e até mesmo fungos.

Zumbido nas lâmpadas ou tomadas
Um zumbido baixinho vindo do bocal das lâmpadas ou até mesmo nos interruptores pode ser sinal de problemas elétricos, logo, é indicado chamar um eletricista para verificar a fiação da casa. Muitas vezes, ao colocar aparelhos na tomada também podemos escutar barulhos estranhos, o que indica necessidade de manutenção, afinal, queremos nosso lar livre dos curtos circuitos, não é?

E você, costuma atentar para barulhos estranhos vindos da sua casa?

Fonte:casashow

compartilhar:

Vantagens da utilização de Esquadrias de Alumínio

Vantagens da utilização de Esquadrias de Alumínio

O alumínio possui grande longevidade e resistência a corrosão

Tecnicamente, o alumínio é de extrema versatilidade, adequando-se aos mais variados tipos de projetos e diferentes dimensões de vãos.

A variedade de apresentação do alumínio permite ao arquiteto explorar de forma criativa sua combinação com outros elementos das edificações, destacando-se por sua estética, harmonia de tons e volumes, que produzem um ambiente aconchegante e agradável ao convívio interno.

A durabilidade das esquadrias de alumínio é fator determinante para sua recomendação em prédios e residências, uma vez que a manutenção das edificações é cada vez mais normatizada e os outros produtos concorrentes não tem como ponto forte a vida útil do material.

As esquadrias de alumínio permitem ser fabricadas em todas as tipologias como por exemplo: abrir para dentro ou para fora, abrir e tombar, com persiana de alumínio integrada, maximar, correr, entre outras. Além da sua durabilidade se torna o produto ideal para receber vidros comuns, vidros temperados, vidros duplos insulados, vidros laminados, em diversas espessuras.

As esquadrias de alumínio possuem grande longevidade devido à resistência à corrosão, um atributo do alumínio que se complementa aos tratamentos de superfície, como anodização ou pintura eletrostática.

Confira alguns motivos para você usar esquadrias de alumínio:

Longevidade
As esquadrias de alumínio possuem grande longevidade devido à resistência à corrosão, um atributo do alumínio que se complementa aos tratamentos de superfície, como anodização ou pintura.

Durabilidade
A durabilidade das esquadrias de alumínio é fator determinante para sua recomendação em prédios e residências, uma vez que a manutenção das edificações é cada vez mais normatizada e os outros produtos concorrentes não tem como ponto forte a vida útil do material.

Variedade
A variedade de apresentação das esquadrias de alumínio permite ao arquiteto explorar de forma criativa sua combinação com outros elementos das edificações, destacando-se por sua estética, harmonia de tons e volumes, que produzem um ambiente aconchegante e agradável ao convívio interno.

Menor Consumo de Energia
A economia no consumo de energia pode ser enfatizada nos projetos com melhorias de isolamento térmico, utilizando detalhes que combinam perfis de alumínio com perfis de poliamida para criar a ponte de ruptura térmica, bem como vidros duplos com câmara de ar seco para melhor controle térmico.

Isolamento Acústico
A indústria brasileira de esquadrias de alumínio está apta a oferecer soluções para qualquer nível de solicitação. Há sistemas no mercado que podem acomodar vidros com até 40mm de espessura. A norma brasileira ABNT NBR 10821 estabelece os níveis máximos de ruído admissíveis para os diversos tipos de ambientes os quais são contemplados pelas linhas de esquadrias de alumínio.

Isolamento térmico
A indústria brasileira de esquadrias de alumínio está apta a oferecer soluções de comportamento térmico para qualquer nível de solicitação, inclusive com o recurso de perfis com “thermal break”.

Atributos que valorizam os imóveis
Por sua imbatível durabilidade, baixo custo de manutenção, desempenho, funcionalidade e estética, as esquadrias de alumínio valorizam os imóveis onde são empregadas, em confronto com outros materiais menos nobres e eficientes.

Design e Aparência
Os produtores de alumínio disponibilizam para o mercado linhas, modelos e sistemas os quais permitem a indústria de esquadrias de alumínio no Brasil, oferecerem uma ampla gama de opções para personalização dos projetos. Há perfis e acessórios que contemplam várias alternativas em termos de estética, mantendo a funcionalidade.

Comportamento estrutural
O comportamento estrutural adequado pode ser garantido por análises e ensaios executados antes da especificação definitiva das esquadrias. A norma brasileira ABNT NBR 10821 estabelece as condições para as análises e ensaios.

portaldoaluminio.com.br

compartilhar:

Aprenda a pintar porta de madeira

Aprenda a pintar porta de madeira

A porta é o primeiro contato que as pessoas têm ao entrar em qualquer cômodo da casa. Por isso mesmo, ter uma porta bem cuidada e bonita deixa o seu lar muito mais convidativo e aconchegante.

Além disso, pintar a porta é uma forma barata de renovar o ambiente e algo simples de se fazer, principalmente se você é fã do ‘faça você mesmo’!

No entanto, é preciso seguir algumas dicas e cuidados para garantir um resultado de qualidade. Quer saber mais? Aprenda com a gente como pintar uma porta de madeira.

Passo a passo

Escolha da tinta

Vários tipos de tinta podem ser utilizados em portas de madeira, sendo as melhores opções: tinta laca, tinta epóxi, tinta acrílica ou PVA e tinta esmalte.

Em portas internas, a melhor opção é a tinta esmalte a base de água, que possui secagem rápida e, principalmente, não tem cheiro forte.

Em áreas externas, prefira produtos que oferecem proteção contra intempéries como chuva, umidade ou sol.

Retire as ferragens

Primeiramente, retire todos os acessórios da porta: fechadura, dobradiças, parafusos e maçaneta. Lembre-se de guardar todos esses itens, para recolocá-los depois que a porta estiver pintada.

Proteja o espaço

Antes de começar os trabalhos, forre o chão com jornal ou plástico para protegê-lo de respingos de tinta. Isole também a porta para não correr riscos de pintar a parede junto – para isso, utilize uma fita específica para pintura ou então fita crepe.

Preparação da porta

Em seguida, temos uma das partes mais importantes do processo, que é a preparação da porta para receber a pintura.

Para isso, lixe a porta inteira até remover os vestígios de tinta e todo o brilho da madeira.

Depois de lixar, passe um pano umedecido em toda a superfície da porta para remover o pó resultante do lixamento.

Se a porta tiver áreas danificadas, esburacadas ou irregulares, utilize massa específica para madeira para correção. Depois de aplicar, deixe a massa secar.

Primer

Aplique um primer ou sub-capa para madeiras em toda a porta. O produto irá garantir que a pintura seja mais uniforme e eficaz.

Espere o produto secar, e lixe novamente a porta para retirar os excessos do primer. Passe novamente o pano na superfície, para se livrar de qualquer pó ou impureza restante.

Pintura

Escolha uma cor de tinta ou verniz que lhe agrade, atente-se às orientações de preparação de tinta que constam na embalagem do produto, e inicie a pintura.

Para ter um melhor resultado, prefira utilizar rolo de pintura, que espalha a tinta de maneira mais uniforme. Utilize o pincel somente nas zonas de acesso mais difícil, como perto da maçaneta ou cantos.

Espere a pintura secar e, se necessário, aplique uma segunda demão de tinta.

Finalização

Se necessário, de acordo com o tipo de tinta que escolher, aplique uma camada de esmalte sobre a porta e deixe o produto secar completamente.

Com a porta totalmente seca, recoloque todas as ferragens na porta e retire a fita crepe das extremidades.

Pronto: aí está a sua porta novinha, de forma econômica e prática!

casashow

compartilhar:

Guia Prático escolher a Porta ideal para a sua Casa

Guia Prático escolher a Porta ideal para a sua Casa

 

Uma bela porta pivotante é o cartão de visitas desta casa paulistana, projetada pela arquiteta Caroline Manfrin. O modelo, que mede 1,50 x 2,15 m, é de madeira maciça laminada, e foi confeccionado sob medida (Marcenaria Horácio’s). O arremate charmoso fica por conta dos nichos laterais, fechados com vidro. (Jacqueline Manfrin/)

Pivotante, camarão, de correr… Enquanto algumas são perfeitas para impressionar as visitas logo na entrada de casa, outras se mostram ótimas pedidas para poupar espaço.

Quem disse que a única opção para seu projeto é aquela porta básica, que abre e fecha do modo convencional? Antes de decidir, saiba que há um tipo de mecanismo de abertura para cada necessidade. Os modelos de correr, por exemplo, fazem maravilhas quando a ideia é ganhar preciosos centímetros em ambientes apertados; por outro lado, não ficam muito bem na entrada da casa. O mesmo acontece com a porta sanfonada e com a camarão, aliadas de quem deseja economizar área.

As pivotantes, por sua vez, são modernas e imponentes – por isso mesmo, perfeitas para dar as boas-vindas aos convidados e moradores. E, claro, até os exemplares mais básicos têm suas vantagens, pois oferecem um precinho camarada e combinam com qualquer cômodo. “Pense bem no objetivo que deseja atingir antes de bater o martelo. Fazer a escolha certeira para cada situação e finalidade é muito importante, pois ajuda a garantir a durabilidade da peça”, recomenda a arquiteta Ivana Seabra, de Belo Horizonte.

PIVOTANTE

Seu funcionamento é similar ao de uma porta comum. A diferença está nas ferragens que regulam a abertura: em vez de dobradiças, é preciso instalar dois pinos, chamados de pivôs, que prendem a peça em cima e embaixo – o ponto adequado deve ser definido pelo instalador. O pivô regula o quanto da folha irá abrir para fora e também o trecho (sempre menor) que deverá girar no sentido contrário. Atenção às medidas: as pivotantes devem ter no mínimo 0,90 x 2,10 m. Recomendadas para a entrada da casa, uma de suas desvantagens é o preço mais salgado.

 

COM ABERTURA CONVENCIONAL

É a opção mais simples, em conta e fácil de instalar. A folha recebe três dobradiças em uma de suas laterais, que é fixada ao batente. Entre seus principais trunfos está a boa vedação, que garante conforto térmico e acústico aos ambientes. Não à toa, esse tipo é o mais utilizado, e indicado para todos os cômodos da casa. É possível encontrá-lo em diferentes medidas, padrões e materiais, sendo a madeira – maciça ou não – o mais comum.

 

CAMARÃO

Conhecido também como articulado, esse tipo chama atenção pelo sistema de abertura. Funciona assim: três dobradiças comuns interligam duas ou mais folhas presas ao eixo central do batente e encaixadas em um trilho superior. Basta empurrar a primeira: ela deslizará sobre as outras até que as mesmas fiquem recolhidas em um dos cantos do vão. Indicada para pequenos espaços, pode ser usada em varandas, cozinhas, salas e até em quartos.

 

SANFONADA

Como o nome já diz, o movimento dessa porta lembra o de uma sanfona – as pregas são bem visíveis quando ela está aberta (não fica com aparência lisa, como a camarão). Folhas maiores articuladas são interligadas por dobradiças e ficam presas a um trilho superior, responsável por deslocá-las. É uma opção bastante indicada para locais com metragem reduzida, principalmente em cozinhas e banheiros. Está disponível em modelos de PVC, que exigem pouca manutenção e resistem à maresia. Outra vantagem é o preço.

 

DE CORRER (APARENTE)

As portas de correr oferecem um ganho de até 6% de espaço, já que não é necessário fazer o movimento de giro para abri-las. O sistema depende de um trilho, que pode ficar aparente ou embutido (no forro de gesso ou em um batente). Presa a essa peça principal por roldanas, a folha corre para os lados – quando há duas, uma se esconde atrás da outra. O modelo permite a passagem do vento, o que compromete seu uso na entrada da casa, por exemplo.

 

 

DE CORRER (EMBUTIDA)

É possível embutir portas deslizantes em paredes de alvenaria comum ou gesso acartonado (drywall), desde que tenham pelo menos 12,5 cm e 7,3 cm de espessura, respectivamente. “Antes, verifique se não há vigas, colunas ou se a divisória tem função estrutural”, diz a arquiteta Ivana Seabra. Será preciso quebrar a superfície para introduzir um perfil de aço zincado, que deverá ser instalado no vão e abrigará a folha quando ela estiver dentro da parede. Depois da instalação, o rasgo é recomposto com drywall e finalizado com massa corrida e pintura.

 

 

 

minhacasa.abril

 

compartilhar:

Dicas para reformar a casa morando nela

Dicas para reformar a casa morando nela

Muita gente fica de cabelo em pé só de pensar em iniciar uma obra dentro de casa. Poeira, sujeira, barulho, entra e sai da equipe de construção, tudo isso pode ser realmente estressante.

Mas calma. Por trás de toda a poeira, existem soluções simples que podem evitar problemas e tornar a sua vida e a de sua família muito mais tranquilas durante a obra.

Confira nossas dicas para reformar a casa morando nela.

Estabeleça regras

Converse com os profissionais envolvidos na reforma e estabeleça algumas regras básicas para o seu conforto e o de sua família. Informe os horários dos moradores e cheguem a um acordo sobre as horas de início e finalização da obra.

Deixe claro também em quais espaços é permitido fumar, se os profissionais podem utilizar a garagem, e se existe alguma área que seja vetada à equipe. Acredite, essas medidas podem evitar muitos desgaste no relacionamento entre as partes.

Proteja móveis e objetos

Antes de iniciar a obra, forre o chão com papelão ou plástico para que os pisos não sejam danificados. Cubra também todos os móveis e eletrônicos com plástico ou lona – se possível, prenda as extremidades com fita crepe, para evitar que o plástico se solte em alguma parte.

Retire todos os objetos de decoração ou menores que fiquem soltos e que possam sofrer quedas ou outro tipo de avarias. Embale essas peças com jornal ou outro material e, se possível, guarde tudo em caixas etiquetadas – isso vai facilitar a organização do ambiente após a reforma.

Se estiver reformando a cozinha, deixe geladeira, micro-ondas e demais utensílios em outra área, à qual você possa ter acesso a qualquer momento.

Importante: para ter mais conforto, proteja também os vãos de todas as portas. Isso ajuda a evitar que a poeira se espalhe.

Planeje com antecedência

Converse com a equipe envolvida e saiba o que esperar de cada dia ou etapa. Por exemplo, saber quando será necessário desligar utilitários como água e energia pode evitar surpresas desagradáveis. Se for necessária a utilização de produtos com odor muito forte ou materiais nocivos, você pode programar onde ficar com antecedência.

Em vez de ficar sofrendo por conta da bagunça, que tal também já combinar com a equipe o descarte diário do entulho gerado? Evite o acúmulo de lixo, isso vai deixar a sua casa muito mais organizada e habitável.

Escolha bem os profissionais

Se você pretende fazer a reforma morando na casa, mão de obra qualificada não é suficiente. É importante contar com profissionais caprichosos, cuidadosos e organizados. Peça referências, e sempre converse com o profissional antes da contratação – afinal, se vão conviver um período juntos, um bom entendimento é primordial.

Paciência é fundamental

Tenha paciência. Imprevistos acontecem, certo? Assim, não espere que sua casa fique impecável durante a construção e que tudo saia conforme o planejado. Chuvas, atrasos em entregas, falta de material – a verdade é que alguns fatores estão além do nosso controle.

Portanto, seja flexível e esteja preparado para os contratempos, lembrando que ao final todo o esforço valerá a pena.

 

casashow…….

 

 

compartilhar:

Quais os principais tipos de materiais para portas

Quais os principais tipos de materiais para portas

As portas têm grande importância para valorizar uma casa ou apartamento. Entretanto, mais do que isso, elas devem oferecer funcionalidade e conforto seja em ambientes internos ou externos.

Por isso, é fundamental entender as características próprias de cada material, bem como suas vantagens ou desvantagens.

Madeira

São considerados os modelos favoritos para o lar. Muito utilizadas para portas interiores ou exteriores, são encontradas em uma ampla gama de desenhos, variando de opções modernas às clássicas.

Os preços sofrem bastante variação conforme o tipo de material, o tamanho da porta, sua espessura e o desenho aplicado. Devem receber acabamentos impermeabilizantes se utilizadas como portas externas.

 

 

Aço

Ótimas para exteriores, já que garantem excelente resistência à ação do tempo. Demandam manutenção contínua para que não fiquem com aspecto ultrapassado. São imponentes e muito seguras.

Seu preço é considerado elevado com relação aos outros modelos. Quando instaladas em cidades litorâneas, devem receber cuidado redobrado devido à possibilidade de oxidação no contato com a maresia.

 

 

 

Vidro

São ótimas para a instalação no exterior, sendo muito comuns em estabelecimentos comerciais. Podem ser encontradas em modelos temperados ou em vidro laminado, garantindo maior resistência. Quando utilizadas nos lares, proporcionam a sensação de leveza e elegância.

 

 

 

PVC

Versáteis, as portas de PVC podem ser produzidas em modelos exclusivos e oferecem ótima resistência às intempéries, o que garante sua utilização no interior ou exterior da casa. Sua manutenção e instalação são simples e oferecem elegância ímpar em seu acabamento.

 

 

 

Alumínio

 

Estes modelos são muito utilizados em portas exteriores, como em cozinhas ou varandas. São de ótima resistência e durabilidade, sendo perfeitas para cidades litorâneas, já que não são afetadas pela maresia.

Proporcionam conforto térmico e são encontradas em um preço relativamente baixo comparada aos outros modelos. Entre as desvantagens estão o possível desconforto acústico, já que não bloqueiam sons externos.

 

 

Como escolher as melhores fechaduras para portas

Se portas são sinônimos de segurança, as fechaduras são imprescindíveis para garantir isso. Entre os principais tipos, estão:

Fechaduras com mola: Não são tão resistentes e devem ser opção para portas no interior da casa.

 

 

Fechadura com padrão dead bolt: São mais fortes do que as fechaduras de mola e podem ser consideradas para portas externas.

 

Fechaduras com bloqueio vertical e duplo cilindro: São quase inquebráveis e excelentes para garantir total proteção ao seu lar. Perfeitas para portas externas e espaços comerciais.

 

Quais os principais tipos de portas

Além do tipo de material utilizado para a confecção das portas, é importante conhecer os modelos de portas disponíveis no mercado para garantir que sua escolha seja a mais assertiva o possível

 

Porta camarão

 

São também conhecidas como portas articuladas e trabalham em dobras que deslizam a partir de trilhos. Os modelos mais comuns são desenhados em duas ou três partes.

 

 

De abrir

 

 

São os modelos mais comuns de portas e podem ser facilmente instaladas tanto dentro, quanto fora de casa.

 

 

 

Duplas

 

São similares às portas de abrir, mas contam com duas folhas, garantindo maior espaço para a passagem das pessoas.

 

 

 

                                                       

Corrediças (deslizantes)

 

São excelentes para garantir importante ganho de espaço no interior de casa, podendo ser utilizadas para integrar ambientes. São ótimas tanto para o interior, quanto para o exterior da casa.

 

 

 

Pivotante

São semelhantes às portas comuns, mas sua abertura é realizada por pinos instalados nos batentes, o que confere uma abertura mais elegante.

 

 

 

Sanfonada

São desenhadas em diversas folhas que se retraem sem precisar de angulação para a abertura, o que garante ótimo ganho de espaço no ambiente onde está instalada.

 

 

 

 

 

 

 

 

Quais os principais modelos de portas cruas

Além das portas com acabamento já definido e quais os tipos de aberturas, é interessante conhecer também os tipos de portas que são vendidas cruas. Ou seja, compradas diretamente do fabricante ou marceneiros.

Entre os principais tipos, estão:

Decorada

São portas, geralmente, em madeira que recebem complementos delicados para reforçar a elegância e a personalidade do produto. Esses complementos podem ser em ferro, vidro ou outros tipos de materiais.

 

 

Decorada com visor

 

Além da decoração que complementa o estilo, as portas com visor contam com pequenas aberturas de vidro que garantem boa iluminação ao interior do lar e trazem facilidade para que os moradores vejam o que ocorre no lado externo da casa.

 

 

 

 

Veneziana

São portas desenhadas com pequenas aberturas para permitir que o interior do lar fique melhor ventilado.

 

 

 

 

 

 

 

Postigo

São portas desenhadas com uma folha com abertura individualizada. São ótimas para trazer ventilação externa e iluminação natural ao interior do lar.

 

 

 

 

 

 

Lisa

São portas de madeira totalmente cruas, sem acabamentos e, muitas vezes, sem as furações para maçanetas e fechaduras. São mais baratas e trazem possibilidade de personalização total.

 

 

 

 

Basculante

São desenhadas com vitrôs que podem ser abertos ou fechados com o uso de alavancas. São muito comuns em cozinhas ou áreas de serviço.

 

Como ter portas perfeitas em casa

Com tantas informações, você estará muito mais perto de garantir que a escolha de sua porta seja feita com perfeição.

Entretanto, não esqueça que é fundamental contar com bons profissionais para alcançar o acabamento desejado.

Além disso, é sempre interessante contar com boas inspirações para o seu lar.

Certamente, você encontrará a inspiração em portas perfeitas para deixar sua casa ainda mais linda!

 

homify…….

 

compartilhar: